Etanol despenca mais de 15% nas usinas sob pressão da fase vermelha e mais oferta

Na primeira quinzena do mês, as vendas de etanol nas usinas até que foram além do esperado, mesmo assim os preços caíram, com exceção da semana de 1 a 5.

Nesta semana os valores despencaram 15,84%, sob o crivo mais acentuado das fases vermelhas em cidades e estados, e do megaferiadão, além de oferta maior que está chegando pelas indústrias que estão antecipando a safra. Os dados de comercialização e de produção são da entidade que reúne as empresas, a Unica.

Do dia 22 a 26, o Cepea levantou que o forte recuo do hidratado o fez a ser ofertado a R$ 2,3071. Nas distribuidoras, menos 0,82% na sexta (26), R$ 2,3025, acumulando queda de mais de 20% em março. Ambos os valores livres de fretes e impostos.

Nas bombas, o etanol veicular também fechou mais em queda na semana, de 2,8%, sob preço médio de R$ 4,06, de acordo com a Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP).

O movimento foi seguido pela gasolina e diesel, após cortes de preços nas refinarias promovidos pela Petrobras (PETR4).

Fonte: Money Times