Preços do petróleo caem com “lockdwons” na Europa e incerteza com eleição nos EUA

06/11/2020

Os preços do petróleo recuaram nesta quinta-feira, pressionados pelo aumento contínuo no número de casos de coronavírus e pela incerteza em relação ao resultado da eleição presidencial norte-americana.

O petróleo Brent fechou em queda de 0,30 dólar, ou 0,7%, a 40,93 dólares por barril, enquanto o petróleo dos Estados Unidos (WTI) recuou 0,36 dólar, ou 0,9%, para 38,79 dólares o barril.

Ambos os contratos haviam saltado cerca de 4% na quarta-feira.

A comissão executiva da União Europeia reduziu nesta quinta-feira sua projeção econômica, acrescentando que a economia não deve se recuperar para níveis pré-coronavírus até 2023.

“Apesar de alguns dados supreendentemente altistas sobre o petróleo nesta semana, o mercado ainda precisará lidar com as grandes incertezas de demanda relacionadas à Covid-19”, disse Jim Ritterbusch, presidente da Ritterbusch and Associates, referindo-se à queda de 8 milhões de barris nos estoques de petróleo dos EUA.

A Itália registrou nesta quinta-feira um recorde diário de novos casos de coronavírus, enquanto os EUA superaram a marca de 100 mil infecções em um único dia na semana passada.

“Há preocupação no mercado em relação a novos ‘lockdowns’, e os esforços e os danos que serão causados à economia”, afirmou John Kilduff, sócio da Again Capital, acrescentando que os “lockdows” na Europa vão remover 1,5 milhão de barris por dia em demanda.

Fonte: Money Times