Tabela quinzenal faz gasolina e ICMS aumentarem valor um do outro sem parar

26/05/2019

Uma tabela nacional de preços alterada a cada 15 dias criou um círculo vicioso que faz o valor arrecadado de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) e o preço de combustíveis se aumentarem um ao outro numa sequência interminável. Em um ano, o preço médio da gasolina em São Paulo subiu 6,25% nessa tabela, que serve de base para a cobrança do ICMS nos estados (os preços finais podem ser maiores, essa tabela é apenas uma média).

Os preços de combustíveis são mudados quinzenalmente nessa tabela pelo Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária).O Confaz reúne os secretários de Fazenda de todos os estados e do Distrito Federal. O preço médio dessa tabela é usado para calcular o ICMS. Se o preço aumenta, o ICMS também sobe. Quando o ICMS sobe, o preço do combustível também é reajustado. E começa tudo de novo, um alimentando a alta do outro. Para ler esta notícia, clique aqui.

Fonte: UOL